Notícias

31.10.18 | TRAC Comunicação

Agora é mata-mata! Confira os duelos das quartas de final da Superliga Argentina

Chegou a hora do mata-mata decisivo as Superliga Argentina de Fútbol. Apenas oito times seguem na briga pelo troféu Alfredo Carlos Scremin. As quartas de final estão marcadas para o dia 10 de novembro, com a certeza de muita emoção no campo do Colégio Marista Paranaense. Confira os duelos que vão definir os quatro melhores da temporada:

San Lorenzo x Banfield – 10h

San Lorenzo – Com uma campanha regular ao longo de todo o campeonato, o time do capitão Dizinho esteve o tempo todo entre os quatro primeiros do Grupo A. Com 55 gols marcados, conta com um dos melhores ataques da Superliga. Terminou a primeira fase com 34 pontos e tem a vantagem do empate no duelo contra o Banfield.

Banfield – Assim como o adversário, teve poucos altos e baixos na competição e sempre esteve entre os cotados para conquistar a vaga no Grupo B. Comandado pelo capitão Átila, tem na força do conjunto o seu maior destaque. Marcou 26 pontos na primeira fase e terá que superar o Ciclón para seguir sonhando com o título.

Independiente x Gimnasia – 11h45

Independiente – Segundo colocado no grupo B, com 34 pontos, o Independiente conta com o segundo melhor ataque da temporada. E o que conta na linha de frente do “Rojo” é a solidariedade, com vários jogadores dividindo a artilharia. Regular do início ao fim da primeira fase, a equipe do capitão Jorginho tem a vantagem do empate contra o Gimnasia.

Gimnasia – Conquistou 32 pontos na primeira fase em uma campanha sem sustos, assegurando a terceira posição no Grupo A. O capitão Celles conseguiu montar uma equipe equilibrada, que tem na dupla Saulo e Diego Elias sua principal força ofensiva. Nas quartas de final, só a vitória interessa para continuar na briga pelo troféu.

Estudiantes x Racing – 13h30

Estudiantes – O poderoso ataque com 64 gols marcados, comandado pelo artilheiro Pisca, garantiu a primeira posição no Grupo A e a melhor campanha no campeonato. Mas a defesa também é destaque no timaço do capitão Lucas Minoro, com apenas 34 gols sofridos. A grande campanha garante a vantagem do empate nas quartas.

Racing – O comprometimento do grupo comandado pelo capitão Quick foi decisivo para a classificação. Com 296 presenças, o Racing foi o único time a conquistar dois pontos extras, que garantiram o time no mata-mata. Ao chegar aos 26 pontos, a “Academia” superou o Newell’s Old Boys, garantiu o quarto lugar no Grupo B e agora tem o desafio de derrotar o Estudiantes.

Rosario Central x River Plate – 15h30

Rosário Central – Um início avassalador garantiu o time do capitão Badu como líder do Grupo B ao longo de toda a primeira fase. Foram sete vitórias seguidas logo na largada, que permitiram a classificação sem sustos mesmo com uma sequência de quatro derrotas no terceiro turno. Agora, joga pelo empate diante do River.

River Plate – O time da família Maranhão não começou bem a competição. Mas um grande segundo turno e vitórias emocionantes na reta final garantiram a equipe na quarta posição do Grupo A, com 28 pontos. Para manter vivo o sonho do título na despedida do capitão, a única opção é derrotar o Rosário Central nas quartas de final.

« Voltar para Notícias
Deixe seu Comentário