Notícias

14.04.19 | TRAC Comunicação

De virada, equipe do Intermináveis vence Canhotinhas

A quarta rodada da Supercopa das Estrelas aconteceu neste final de semana. O jogo da TV foi movimentado e com seis gols, com direito a virada do time Intermináveis para cima da equipe do Canhotinhas e placar final de 4 a 2. O jogo foi válido pelo grupo B.

O primeiro tempo foi de poucas chances e um jogo mais truncado. A primeira boa oportunidade foi da equipe Intermináveis. Aos 13 minutos, Rhavy arriscou chute da entrada da área e Daniel fez boa defesa. O time Canhotinhas chegou pela primeira vez aos 21 minutos e já balançou as redes. Greg lançou Pisca, que ajeitou de cabeça para o meio da área. Cari entrou sozinho e, também de cabeça, completou para as redes. Aos 38 minutos, Pisca arriscou de fora da área e Dodo fez bonita defesa.

Na segunda etapa, o jogo ganhou emoção e gols. Logo aos quatro minutos, Belonzinho cobrou escanteio, a zaga não cortou e a bola sobrou para Elon, que acertou um lindo chute de primeira, sem chances para o goleiro Daniel. A equipe Intermináveis cresceu no jogo com o gol de empate e chegou a levar perigo por duas vezes, ambas com o Guilherme Gusso, mas ambas foram para fora.

Aos 20 minutos, o Canhotinhas novamente tomou a frente do placar. Em saída de bola da equipe Intermináveis, Pisca disputou e ganhou a bola de Rhavy, driblou um marcador e tocou na saída do goleiro Dodo: 2 a 1. A equipe Canhotinhas recuou e passou a explorar os contra-ataques. Mas, aos 33 minutos, um lance crucial para a partida. Willian José fez falta, recebeu o segundo amarelo e foi expulso pela equipe Canhotinhas. Com superioridade numérica, o time Intermináveis foi para cima e fez o resultado.

Aos 36 minutos, Marcet fez ótimo lançamento para Rhavy, que invadiu a área e tocou na saída do goleiro. Dois minutos depois, Oscar derrubou Guilherme Gusso na área. Pênalti, que Belonzinho bateu com muita categoria e virou a partida para o time Intermináveis. Para fechar o marcador, aos 41 minutos, Belonzinho cruzou e Guilherme Gusso completou de cabeça para as redes. 4 a 2 e vitória do Intermináveis.

O zagueiro Gregório, da equipe Canhotinhas, lamentou a expulsão. “A expulsão foi crucial e justa na minha visão. Tenho certeza que não tomaríamos mais gols, mas após o lance sofremos três. Perdemos a pegada no meio de campo e sofremos os gols”, avaliou Gregório, que sabe que o time logo voltará a vencer. “A vitória virá naturalmente. Estávamos com desfalques importantes nessa e na rodada passada. Quando tivermos o time completo, voltaremos a vencer, porque o time é bom”, completou Gregório.

Pelo lado do time Intermináveis, o zagueiro Rodolfo destacou a vontade da equipe. “Nosso time mostrou que tem raça e briga até o final. No jogo passado também conseguimos a vitória assim. E hoje estivemos atrás duas vezes e conseguimos virar. Tem que ser assim até o fim do campeonato”, avaliou. Para o jogador, o diferencial da equipe é a velocidade. “Nossos quatro kits são novos e isso faz diferença. E não faltou empenho de todos. Até os mais velhos estão mantendo a correria. E sempre, até o final dos jogos, estamos correndo para conseguir os placares que queremos”, concluiu Rodolfo.

Resultados da 4ª rodada:

Estruturais 0×2 Trovões
Gols: Luciano e Diego Elias

Afilhados Maranhão 1×2 Os Professores
Gols: Du (Afilhados)
Di e Igão (Os Professores)

Guerreiros 2×3 Os Fiéis
Gols: Gibinha e Thiago Ernani (Guerreiros)
Barp, Jorginho e Cico (Os Fiéis)

Intermináveis 4×2 Canhotinhas
Gols: Elon, Rhavy, Belonzinho e Gusso (Intermináveis)
Carioca e Pisca (Canhotinhas)

Os Xerifes 1×1 Academia
Gols: Nato (Os Xerifes)
Angioletti (Academia)

Betão e os Cubanos 1×0 Samurais
Gols: Chupeta

« Voltar para Notícias
Deixe seu Comentário