Notícias

14.11.17 | TRAC Comunicação

Inter de Limeira e Ponte Preta abrem as semifinais do Caipirão

A disputa por um lugar na grande decisão do Caipirão Paulista 2017 começa nesta quarta-feira (15). A partir das 13h30, o CT Barcelos (Geraldinho) recebe as partidas de ida das semifinais do campeonato do Clube de Pais. E o primeiro confronto é promessa de um jogaço, entre as equipes que venceram seus dois jogos nas quartas de final.

Inter de Limeira e Ponte Preta entram em campo dispostas a repetir as grandes atuações que garantiram um lugar entre os quatro melhores do Caipirão. A Inter vem embalada por eliminar o Novorizontino, um dos favoritos ao título. A Ponte, com toda a empolgação pelas duas grandes atuações em um duelo de muita rivalidade contra o XV de Jaú.

Com melhor campanha ao longo da competição, a Ponte tem a vantagem do empate no placar agregado. O que o histórico entre as equipes mostra que pode ser decisivo, já que os dois confrontos da primeira fase terminaram com o placar igualado.

Do lado da Inter, o capitão Dizinho comemora o desempenho diante do Tigre, mas vê com preocupação as consequências do duelo. “Fizemos grandes jogos contra um time fortíssimo, mas pagamos um preço alto. Teremos desfalques por lesão e por suspensão automática, mas o grupo todo sabe da força que temos e já demonstramos”, afirma.

O comandante da Inter diz que conhece o caminho para anular os pontos fortes do rival. “A Ponte não conseguiu nos vencer e agora podem jogar por mais dois empates. É um time burocrático e pouco criativo, que vive de lampejos do Belonzinho e lançamentos do Oscar pra velocidade do Di. Se eles são o veneno, nós já sabemos qual é o antídoto”, dispara.

Já o capitão da Macaca diz que o time não prepara surpresas para o adversário. “A Ponte vai da mesma forma que jogou o campeonato inteiro. Sem tirar, nem pôr. Temos um padrão de jogo e não tem porque inventar. O mais importante é manter a solidez defensiva que tivemos durante o ano todo. Isso pode ser o nosso supertrunfo”, diz Falavinha.

O líder da Ponte garante que não ficou surpreso com o desempenho do adversário nas quartas. “A surpresa não é a Inter ter eliminado um dos favoritos, é a posição em que eles classificaram. É um time muito forte e que preocupa ainda mais porque começou a crescer de desempenho na reta final. E vamos enfrentar um desconhecido. Nos dois jogos que fizemos eles jogaram desfalcados e, depois disso, tiveram duas trocas que mudaram o jeito que o Dizinho fazia o time jogar”, ressalta.

Falavinha aproveita para chamar a galera pra comparecer em peso. “A torcida pode esperar muita emoção, se o calor intenso não atrapalhar. Tenho certeza que os torcedores vão curtir. Para o adversário já dou a dica: cuidado com o Joma no mata-mata. Dois jogos, dois gols”, diz.

Dizinho diz que tem uma boa dica para espantar o calor. “Que a torcida se faça presente e possa se divertir vendo um bom jogo. E se o jogo não estiver tão bom, podem pedir mais um combo de cerveja na Cantina do Guerreiro na conta do Amarildo que melhora”.

« Voltar para Notícias
Deixe seu Comentário