Notícias

23.11.17 | TRAC Comunicação

Mogi Mirim e Inter de Limeira prometem um jogaço na luta pelo pódio

Este sábado (25) é dia de decisão no Caipirão Paulista 2017. A bola começa a rolar no CT Barcelos (Geraldinho) às 14h, para a disputa do terceiro lugar entre Mogi Mirim e Inter de Limeira. Duas equipes que prometem muita raça e um grande espetáculo em busca de um lugar no pódio do campeonato do Clube de Pais.

Com melhor campanha ao longo de toda a competição, o Mogi Mirim entra em campo com a vantagem do empate. Para a Inter de Limeira, só a vitória interessa. Mas os dois capitães garantem que seus times vão partir para cima, com objetivo de fazer um jogo ofensivo e de muitos gols, que não vai decepcionar a torcida.

O capitão Lucas Minoro, do Mogi, avisa: “Tenho certeza de que o jogo das 14h vai ser melhor do que a final. Quem for não vai se arrepender”. Dizinho, comandante da Inter, segue na mesma toada: “A torcida que quiser ver o futebol moleque, desenvolto e malemolente deve chegar mais cedo. Uma disputa entre Dizinho e Minoro sempre vai ser mais divertida que uma entre os retranqueiros Jack e Falavinha”.

Lucas garante que o Mogi vai entrar em campo com a mesma motivação de uma decisão. “Nada de jogar relaxado e ‘sem compromisso’. Sofremos bastante com a desclassificação, pois sabíamos que tínhamos condições de passar. Agora queremos muito entrar no pódio para comprovar isso. Vamos pra cima para honrar a camisa do Mogi”, promete.

O capitão do Sapão diz que seu time está preparado para anular os pontos fortes do rival. “A Inter tem um ataque de muito respeito e provaram isso no último jogo contra a gente. Entendi as artimanhas do capitão Dizinho e estamos nos preparando para anular suas jogadas”, avisa.

Dizinho também assegura que seu time vai com muita garra em busca do pódio. “Infelizmente o sonho do bicampeonato como capitão chegou ao fim, mas sempre deixei claro pra Inter que o importante era jogar até o dia da final. Vamos participar do dia mais legal e tenso do nosso clube e esperamos terminar com gosto de vitória e um troféu na estante. Até porque, se não tiver troféu não tem foto pra cair nas redes sociais”.

O líder do time alvinegro elogia o capitão adversário, mas não perde a chance de dar uma provocada nos adversários. “O ponto principal do Mogi com certeza é o Lucas Minoro. Seja pela postura tática, pela liderança no capitaneado ou pela torcida entusiasmada que ele traz pros jogos. O ataque deles só virou notícia pela honestidade do Diego Elias, porque ele e o gordinho que entrou no lugar do Leleco decepcionaram na reta final”, dispara.

« Voltar para Notícias
Deixe seu Comentário